As Minhas Pequenas Coisas

Ser mãe de menino

Sempre ouvi dizer que ser Mãe de menino era como viver um romance constante. Começo finalmente a perceber o significado dessa afirmação.O meu Rafael, com três anos e sete meses, anda muito mais meigo. Elogia-me. Dá abraços fortes a propósito de nada. Quando sente as minhas mãos frias, cobre-as com as suas mãozinhas pequenas, “para ficares quentinha, mamã”. Quando me vê sentar no sofá, pega numa … Ver artigo completo no Blog

Sobre o Autor

aMulher

aMulher

A equipa de aMulher.com

Deixe o Seu Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.