Para Cozinhar

Massa Chinesa com Cogumelos, Pimento e Carne de Vaca

Os dias têm agora uma dinâmica um pouco diferente.
Acorda-se ao sabor dos sons do António Maria, ou do chamamento do Zé Maria. Depois, enquanto dou de mamar ao António, o Zé bebe o leite ao nosso lado, na minha cama. Troca a fralda e veste um, depois é a vez do outro. Entre um e outro lá me consigo também vestir e arrumar os quartos. Depois tomo o pequeno almoço, enquanto o Zé Maria me pede pão torrado com “manqueiga”. Entre um choro e um pedido de atenção lá segue a nossa manhã entre os afazeres normais de uma mãe que está em casa.
Depois no almoço, enquanto o Zé faz a sua sesta e enquanto o António também tem feito uma das dele, a casa está em silêncio.
É quando aproveito para adiantar o jantar e muitas vezes o almoço do dia seguinte. Quando consigo finalmente responder a alguns mails, preparar post do blogue e fazer outras tarefas que exijam uma maior atenção da minha parte. Assim que eles acordam o tempo volta a ser deles. Entre fraldas, refeições, miminhos – muito miminhos – e brincadeiras.
Nem sempre é um mar de rosas. Há dias mais complicados do que outros. Há … Ver artigo completo no Blog

Sobre o Autor

aMulher

A equipa de aMulher.com

Deixe o Seu Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.