Para Cozinhar

Esparguete Picante com Atum e Tomate Cereja

De repente parece que sou uma miúda. Apesar dos 36 anos, de um filho com menos de 2 anos a dormir desde as 9 e pouco da noite, e com uma barriga cada vez maior do segundo que vem a caminho, sento-me na cama e, apesar da mobilidade reduzida, pinto as unhas dos pés (porque uma mulher deve andar sempre apresentável), uma tarefa de contorcionista que qualquer outra mulher que já tenha estado grávida com mais de 28 semanas poderá perceber.
Enquanto o verniz seca, pernas em cima de uma almofada, ponho-me a ler o último livro “Uma Aventura”, coisa que despacho em pouco mais de 1h30, já o verniz está mais do que seco.
No dia seguinte dou comigo a preparar – por via de várias circunstâncias – um jantar bem rápido de espaguete com atum. Depois do livro “Uma Aventura”, só faltava mesmo um prato de espaguete com atum para me sentir verdadeiramente uma miúda. Por mais variantes que massa com atum possa ter, não deixar de ser comida de férias de verão, de escuteiros, de acampamentos, de férias com os amigos, de almoços rápidos de praia.
De repente senti-me não com 36, mas com 16 anos. A passar o tempo … Ver artigo completo no Blog

Sobre o Autor

aMulher

A equipa de aMulher.com

Deixe o Seu Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.