Eu, Tu e os meus sapatos

Dar mama não é fashion

Dar mama não é fashion.

A sério. Não pode ser.

Dar mama não permite vestir tudo e mais alguma coisa. Quer dizer, a pessoa até consegue safar-se com não um, não dois, não três mas!, vários conjuntos nas Zaras deste mundo e afins, só que não é assim à vontadinha. Tem de filtrar e pensar e ponderar e isso, sem sombra de dúvida, não pode ser fashion.

Dar mama não permite usar aqueles biberons giros e alternativos e in. Quer dizer, até dá se a pessoa encarnar a verdadeira vaca leiteira e optar por tirar para depois dar no biberon… Mas, convenhamos, vai-se a praticidade toda do processo da amamentação. Tem de tirar e guardar e anotar datas e depois não esquecer e isso, sem sombra de dúvida, não pode ser fashion. (Até porque as latas de leite artificial são lindas, não é?)

Dar mama obriga a estar sujeita a ter de sacar da dita para fora em qualquer circunstância (desconsiderando o parágrafo anterior). Quer dizer, dá-se mama na mesma: a criança dá sinal e a pessoa corresponde. Mas se estamos num restaurante do Avilez ou num qualquer centro comercial isso, sem sombra de dúvida, não pode ser fashion.

Mas o pior de tudo é … Ver artigo completo no Blog

Sobre o Autor

aMulher

A equipa de aMulher.com

Deixe o Seu Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.