Mulher XL

A Revolução Industrial Plus-Size

O mercado plus-size ainda é um mercado de nicho, e não de massas.

Essa é uma das explicações que encontramos para a situação do site AliExpress – uma questão cultural. A moda plus-size tem uma forte presença no mundo ocidental e numa sociedade económica mais capitalizada.

Se considerarmos que os tamanhos padrão no “mundo da moda convencional”, terminam no 38, então tudo a partir do tamanho 40 é considerado “plus-size”; digo “mundo da moda” pois há efectivamente dois mundos. Na realidade, vestir 40 é ser “normal” ou até mesmo magra (ainda que o nº de roupa não tenha de obrigatoriamente ditar o volume, constituição ou forma corporal, como iremos abordar noutro post). O facto de haver esta discrepância faz com que a grande maioria das mulheres se encaixe no “molde plus-size”.

O surgimento da moda segmentada para o mercado plus-size tem tido impactos significativos a nível da comercialização da moda, na sua vertente de negócio. Afinal, por mais “bonita” e interessante que seja a moda em si e todo o processo criativo por detrás da criação de novos conceitos, novas formas de vestir – que levam invariavelmente a novos modos de ser, de estar, de se exibir na sociedade – no fim, … Ver artigo completo no Blog

Sobre o Autor

Mulher XL

Deixe o Seu Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.