Noticias

Greve Geral última hora: Transportes

grevegeral(1)

Sabe quais sãos os transportes que vão ser afectados? Veja aqui.
Limitações nos Transportes Públicos na Greve Geral de 24 de Novembro nas principais cidades:

?Transportes Lisboa
– Metro de Lisboa e Carris, a circulação vai depender da adesão dos trabalhadores à greve, não foram definidos serviços mínimos;

– Soflusa, foi determinada a circulação de barcos ao início da manhã e no final do dia;

– Linhas de Sintra, Cintura e Azambuja: comboios das 5h00 às 10h00 e das 14h00 às 21h00;

– Linha de Cascais: das 6h30 às 10h00 e das 16h20 às 21h30;

– Linha do Sado (Barreiro-Setúbal): dois comboios em cada sentido, das 5h00 às 7h25 e quatro em cada sentido das 17h00 às 20h25;

– Setúbal-Lisboa: a Fertagus espera assegurar todos os serviços, excepto se a greve na Refer o impedir.

?Transportes Porto
– Metro do Porto não vai disponibilizar alternativas ao transporte.

– STCP, não disporá de alternativas de transporte e não haverá serviços mínimos.

– Comboios suburbanos com serviços mínimos:

– Caíde-Porto: quatro comboios para o Porto das 6h00 às 7h34 e dois em sentido contrário durante o mesmo período; quatro comboios entre as 17h30 e as 20h30 no sentido Porto-Caíde e dois em sentido contrário;

– Nine-Porto e Leça-Ermesinde: ligações asseguradas entre as 6h25 e as 8h45 e, durante a tarde, entre as 16h30 e as 20h45;

– Aveiro-Porto: circulam comboios suburbanos das 4h43 às 10h19 e das 17h00 às 21h19;

– Guimarães-Porto: comboio das 6h15 para o Porto e os das 6h54 e 7h54 em sentido contrário. À tarde efectuam-se três comboios de Campanhã para Guimarães (entre as 16h15 e 19h15) e dois em sentido contrário.

?Comboios de Longo Curso
– Um Intercidades entre Lisboa e o Porto em cada sentido e outro entre Lisboa e Faro;

– Não haverá serviço Alfa Pendular;

– Comboios internacionais Sud Expresso (Lisboa-Hendaya) e Lusitânia Expresso (Lisboa-Madrid) abrangidos pelos serviços mínimos.

?Comboios Regionais
– Linha do Minho: dois comboios entre Valença e Porto, dois entre Viana do Castelo e Nine e dois entre Viana do Castelo e Valença;

– Linha do Douro: um comboio do Porto ao Pocinho e dois entre Pocinho e Régua, seis comboios entre Régua e Campanhã e dois entre Caíde e Régua;

– Coimbra-Aveiro: oito comboios, quatro em cada sentido, entre as 6h35 e as 18h45;

– Coimbra-Entroncamento: apenas dois comboios em cada sentido, um de manhã e outro à tarde;

– Tomar-Lisboa: doze comboios (seis em cada sentido) nesta ligação, que serve também Entroncamento, Riachos, Santarém e Azambuja;

– Linha do Vouga: oito comboios com origens/destinos variados em Aveiro, Macinhata, Espinho, Sernada do Vouga e Oliveira de Azeméis;

– Beira Baixa: um comboio regional em cada sentido entre Lisboa e Castelo Branco;

– Figueira da Foz-Coimbra: quatro comboios em cada sentido ao longo do dia;

– Linha do Oeste: dois comboios entre Caldas da Rainha e Figueira da Foz e um em sentido contrário. Entre Caldas e Meleças estão previstos quatro comboios (dois em cada sentido);

– Linha do Algarve: dois comboios em cada sentido entre Faro e Vila Real de Sto. António e um em cada sentido entre Faro e Tavira;

– Entre Faro e Lagos há serviços mínimos para dois comboios em cada sentido;

– Linhas da Beira Alta e Alentejo: não há serviços mínimos;

– Linhas do Tua, Tâmega, Corgo e Pampilhosa-Figueira da Foz, encerradas ao tráfego ferroviário e cujo serviço tem sido assegurado por autocarros, não são abrangidas por serviços mínimos.
 

informação enviada por Drº Eugénio Cordeiro de Castro

Sobre o Autor

aMulher

aMulher

A equipa de aMulher.com

Deixe o Seu Comentário