Medicinas alternativas

O Tai Chi

tai

taiTai Chi é um modo de vida que tem sido praticado pelos Chineses por milhares de anos. Para aqueles que estão interessados na herança rica e viva da cultura Chinesa, especialmente aqueles que desejam comunicar-se  e compreender as pessoas do outro lado do globo, é necessário estudar a filosofia do Tai Chi: este pensamento imenso e poderoso que exerce  a sua influência sobre toda a história oriental. Tai Chi significa “o supremo”. Isto significa melhorar e progredir em direção ao ilimitado; significa a existência imensa e o grande eterno. Todas as várias direções em que a influência do Tai Chi foi sentida, foram guiadas pela teoria dos opostos: o Yin e o Yang, o negativo e o positivo. Algumas vezes são chamadas o  princípio original.  Em 1200 D.C. o monge Taoísta Chang San-feng fundou um templo na Montanha Wu-tang, para a prática do Taoísmo, o supremo desenvolvimento da vida humana. Mestre Chang enfatizou a harmonia de Yin/Yang como um meio de melhorar o desenvolvimento da mente e da habilidade física, a meditação natural coordenada com movimentos naturais do corpo propulsados por uma energia interna que deveria ser desenvolvida a um certo nível de aquisição. Desde que o sistema Shaolin tinha já sido difundido através da China por centenas de anos, a idéia de adaptar a teoria Taoísta à vida diária, ao invés de fazê-la de forma de adoração religiosa, foi facilmente aceite pela sociedade Chinesa. O pensamento Tai Chi e a sua filosofia Yin/Yang rapidamente desenvolveram-se numa organização baseada no modelo do Templo Shaolin. Uma forma modificada do treinamento monástico foi adoptada para promover o sistema sofisticado numa forma missionária. Regras de conduta humana básica como a bondade, o respeito aos mais idosos, fidelidade aos pais, e amor próprio, eram praticados estritamente como se fossem leis escritas. Enquanto que as leis da sociedade industrial de hoje, não dizem nada, por exemplo, sobre a imoralidade de deserdar um pai idoso e necessitado, na sociedade Chinesa de centenas de anos atrás, tal acto era considerado uma ofensa muito séria e deveria ser severamente punido. Os seguidores do Tai Chi acreditavam que o povo deveria disciplinar-se para  o ser espiritual, saudável, bom e inteligente; ser responsável e auxiliar os outros para atingir graus maiores de desenvolvimento; amar a verdade; lutar ferozmente contra a imoralidade e a injustiça e proteger os necessitados e os fracos. Foi com estes objetivos na mente que o aspecto da arte marcial do Tai Chi foi desenvolvida.

 

Sobre o Autor

aMulher

aMulher

A equipa de aMulher.com

Deixe o Seu Comentário