Noticias

Morreu mulher símbolo da revolução sexual

Bettie Page, símbolo da revolução sexual dos anos de 1960, morreu, esta sexta-feira, em Los Angels. As poses provocatórias, a pouca roupa e o bambolear das longas pernas ou o sensual banho de espuma ficaram na memória de muitos.

Bettie Page conquistou a atenção dos americanos, e do Mundo, com poses sensuais em biquíni e “lingerie”de renda, que deixava transparece muito corpo e pouca roupa, em rota com os conservadores costumes da década de 1950. Em 1955, encheu as páginas centrais da revista “Playboy”, adensando a controvérsia que já a perseguia, depois de ter sido  fotografada em poses sadomasoquistas.
Aos 85 anos, Bettie Page sucumbiu vítima de falha cardíaca, nove dias depois de ter sofrido um ataque cardíaco. Segundo o agente da diva, Mark Roesler, Page estava internada, havia três semanas, a recuperar de uma pneumonia quando sofreu o ataque cardíaco. Esteve mais de uma semana inconsciente, antes de perecer.

in JN

Sobre o Autor

aMulher

aMulher

A equipa de aMulher.com

Deixe o Seu Comentário