Saúde & Beleza

Hidratar o corpo no Inverno

hidrat

Um estudo do Instituto da Hidratação e Saúde revela que nos meses frios a ingestão de bebidas da maioria dos grupos etários da população portuguesa é inferior aos valores recomendados pelo norte-americano Institute of Medicine. Sabia como pode melhorar o seu aporte hídrico! Com os dias frios à porta, as pessoas tendem a diminuir o consumo de líquidos. O Instituto de Hidratação e Saúde (IHS) constatou no primeiro estudo sobre padrões de consumo de bebidas, numa amostra representativa da população portuguesa, que o aporte hídrico é mais baixo do que o recomendado pelo Institute of Medicine dos Estados Unidos. Algo que se verifica em todos os grupos etários, exceptuando nas mulheres entre os 14 e os 18 anos.

A European Food Safety Authority tem neste momento em discussão pública, uma proposta para definir valores de referência para a ingestão de água na Europa, que embora sejam inferiores aos propostos para a população americana, são superiores aos ingeridos por alguns segmentos da população portuguesa.

Sabe-se que um aporte hídrico adequado envolve em média a ingestão de cerca de dois litros de água por dia, seja através do consumo de água ou de outras bebidas ou alimentos. Em Portugal, de acordo com o estudo que envolveu 2.049 indivíduos entre os 14 e os 70 anos, 43% do aporte hídrico proveniente de bebidas, advém do consumo de água. Além disso, verificou-se que a restante ingestão de líquidos é distribuída por leite e iogurtes (22%), café e chá (11%), bebidas alcoólicas (10%), refrigerantes (7%) e sumos naturais ou embalados de fruta (7%).

A sede é um sinal de que o organismo necessita de repor água rapidamente. Por isso, os profissionais de saúde recomendam que não se espere por este sintoma para ingerir líquidos. Mesmo sem vontade, é essencial beber líquidos regularmente para repor aqueles que são perdidos seja através da transpiração, urina, fezes, respiração, etc.

HIDRATAÇÃO É SAÚDE

É do senso comum que a pele sofre com os danos causados pela falta de uma hidratação adequada. Mas o que poucos sabem é que basta uma desidratação

ligeira pode desencadear também cansaço, dores de cabeça, dificuldade de concentração e mal-estar geral. Isto sem contar com os efeitos a nível cardíaco, renal, respiratório e digestivo, caso a situação de desidratação se agravar e for contínua.

Sabia que o total de água no corpo de um ser humano adulto varia entre 55% e 70%?  Repare como um corpo bem hidratado é um passo essencial para ter um corpo saudável. A água:

•    Actua como transporte de nutrientes para as células
•    Ajuda à eliminação de toxinas no organismo;
•    Regula a temperatura corporal;
•    Facilita o processo digestivo;
•    Contribui para o fortalecimento de anticorpos, de modo a aumentar as nossas defesas contra as infecções.

Lembre-se que no Inverno passamos muito tempo em ambientes fechados, aquecidos, o que pode contribuir para uma maior necessidade de água.  Assim, os cuidados com a hidratação típicos do Verão não devem ser descurados no resto do ano.


Patrícia Padrão
Nutricionista

Sobre o Autor

aMulher

aMulher

A equipa de aMulher.com

Deixe o Seu Comentário