Eu, Tu e os meus sapatos

#foodlover | Nómada

É na Visconde de Valmor, bem no centro de uma das zonas de Lisboa que me traz mais memórias. Das boas.

E agora (bem, não é bem de agora…. eu é que ando atrasada nestes textos) outra razão para memórias boas. O Nómada.

Fusão e Clássico. Tatakis
, gunkans (que me fazem delirar!), ceviches, makis, sashimis, ceviches, carpaccios, tártaros… ai… tudo. Com uma componente fixa na carta e outra que vai mudando, o Nómada tem uma oferta de peixe que não é de todo comum encontrar. Lírio! Têm lírio dos Açores! Qualidade e frescura irrepreensíveis. Apresentação perfeita, bem ao estilo do Sushic (o que não é de estranhar face à ligação existente – uma equipa de ex-sushics). Uma carta de vinhos que surpreende. Pela positiva. E que aborrece. Porque eu continuo em modo abstémio.

O Nómada, está sem dúvida no nosso top de restaurantes de sushi pela qualidade (above all, a qualidade!), oferta e serviço. Mas seria injusto não referir que tem potencialmente, a melhor relação qualidade/preço em sushi de fusão (bem… e sem ser de fusão também!) na Grande Lisboa.

Marquem, porque está muitas vezes lotado. Mas se gostam mesmo de sushi, vão. Não deixem de ir. Mesmo.

(O toro senhores, o toro! É … Ver artigo completo no Blog

Sobre o Autor

aMulher

aMulher

A equipa de aMulher.com

Deixe o Seu Comentário