The Busy Woman and the Stripy Cat

Destralhar de vez em quando é preciso!

Uma das regras essenciais do minimalismo é estabelecer limites. Mostrei alguns dos meus limites em termos de espaço
Estas almofadas cinzentas, por exemplo, eram usadas quando tinhamos a mesa baixinha de jantar (essa da foto). Como não arranjei outro uso para elas, foram fora.

Tinha também duas colchas brancas, as duas velhas e um pouco rasgadas, que já não serviam nem para pôr na cama nem no sofá. Já tenho uma colcha ainda em bom estado para pôr na cama durante o verão (agora tem o edredão) e duas colchas fininhas para o sofá. Não preciso de mais. Quando estão sujas, lavam-se de manhã e à tarde estão secas. Para quê ter colchas a mais só a ocupar espaço?

Depois ataquei a despensa. Coisas de criança que já não são usadas, espremedores de baldes, até filtros de café! Tudo fora.

Ainda deitei fora o balde que tinha na minha casa de banho, com o qual recolhia a água do chuveiro. Deixei de fazer isso porque o balde estava sempre cheio de bolor… Portanto, foi fora.

Por fim, a roupa. Quando faço estes destralhamentos, tenho que ser muito fria, porque ver-me livre da roupa é o … Ver artigo completo no Blog

Sobre o Autor

aMulher

aMulher

A equipa de aMulher.com

Deixe o Seu Comentário