Economia cá de Casa

2 meses para o Natal

Daqui a dois meses estamos no dia de Natal. Parece que ainda falta muito tempo, porque continua muito calor, o pessoal ainda anda de sandálias e manga curta, mas o Natal está mesmo ao virar da esquina.Aqui em casa tem havido alguns poucos preparativos.Já vos tinha dito que tenho a maioria das prendas dos sobrinhos – os a sério e os de coração – e dos afilhados, compradas. Já fiz e “embrulhei” as marmeladas e a compota de figo e de tomate. Se arranjar uma abóbora ainda faço doce de abóbora, se não fica assim mesmo.Este ano estou a pensar repensar um poucos os meus cabazes. Para já a ideia é alargar a oferta dos cabazes também as irmãos e cunhados – numa prenda para o casal- mas misturando alguns artigos caseiros com outros de compra. Ainda é só uma ideia. Porque, como sabem, a ideia de andar a correr de loja em loja não faz de todo o meu ideal de natal.Claro que os cabazes têm de ter os meus clássicos: compotas e marmeladas, bolachinhas – ainda ando a juntar ideias simples – caramelo salgado e o brittle de frutos amêndoa ou amendoim.Provavelmente fazer um “Bark” de chocolate, ou … Ver artigo completo no Blog

Sobre o Autor

aMulher

aMulher

A equipa de aMulher.com

Deixe o Seu Comentário